7-GATO-13

Carolina Tomoi –

Onde andas?
a bailarina preta e rosa
hoje guerreira de foice e enxada na mão.
9343-1420.
Teu silêncio me cala
Tua ausência me rasga
Nem tudo saiu como planejado
Nossas missivas ad aeternum
Só perpetuaram nos sonhos entre pipocas e gelados
                       (que eles sim valiam a humilhação)
A garota roendo gelo e espinhas na cara
Sonhou com ele
foi-se
voltou pra ser guerreira dourada.

Ela dança nos campos, na gente, na terra.
Eu danço nos olhares, nas janelas de saudades
do dela que vive em mim.
risada
cachos
traços
abraços
Por isso desperto
saudade
XXXXXXX
distância
nãos
silêncio

Há um Pedro entre nós? "Serei?"
passados que nunca foram
pre-sentes sem pre vão

Ouça nossa voz: 7-GATO-13

4 comentários em “7-GATO-13

    1. Esse poema me comunica as mudanças que vivemos , os caminhos diferentes dos que sonhamos ou só imaginamos e algumas vezes é até melhor, em outras, é dor. Que bom que e está escrevendo!!!!!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: